Entrevista com L-CAPITAN

02-07-2023

L-CAPITAN (Luís Fernandes) estreou-se no mundo da música em tenra idade. Aos 8 anos começou a aprender guitarra clássica na escola de Música Nossa Senhora do Cabo. Mais tarde, viajou por caminhos mais distorcidos com a guitarra elétrica, entre vários projetos foi vocalista e guitarrista dos já extintos YAGMAR. Produziu e colaborou com vários artistas entre os quais os Angolanos - Elenco da Paz e Yuri da Cunha, em Espanha com a rapper ELVIRUS e na India com Kali. Enveredou pelas 12 cordas da guitarra de Lisboa em 2022. Um caminho árduo nestes 9 meses de curta aprendizagem, mas que promete dar frutos onde os seus 27 anos de guitarra não o deixam desistir.

Uma paixão quase platónica, um primeiro beijo adiado por largos anos, enquanto escolhia outras como a guitarra elétrica ou clássica, L-CAPITAN ganhou coragem e recentemente abraçou a guitarra portuguesa como sua.

Disse o grande Nicolau Breyner "tirar o fado do ambiente tão soturno" mas SOTURNA apenas pretende trazer esse ambiente para outros contextos e com a sonoridade da guitarra de Lisboa viajar por ritmos de outras latitudes, unir estéticas sonoras que não se costumam tocar. Reinterpretar a Guitarra Portuguesa no Sex XXI.

L-CAPITAN viajou muitos anos pela produção musical trabalhando com outros artístas em projetos próprios de diferentes estilos. Agora, quer aliar o chorar da guitarra portuguesa com os lugares musicais por onde passou. O EP de estreia SOTURNA foi editado no passado dia 19 de Maio.

Sendo a sua obra mais desafiante até ao momento, "HIT ME HARD AND SOFT" é uma coleção diversificada e coesa de canções, para ser ouvida, idealmente, na íntegra, do início ao fim. O álbum faz exatamente o que o título sugere: atinge-nos de forma forte e, simultaneamente, suave, tanto nas letras quanto na sonoridade, enquanto mistura géneros musicais...

Publicidade