Sérgio Godinho - A Festa Dos 75 começou no Teatro Maria Matos

"Emoções à flor da pele", seria a comum expressão que melhor reproduziria o vivido ontem (31/08), no arranque da série de concertos que Sérgio Godinho irá apresentar nas próximas semanas no Teatro Maria Matos. A data era especial, sabíamos, afinal a celebração do 75º aniversário é já motivo de festa, fazê-lo em palco depois 6 meses "em abstinência forçada", amplifica quaisquer "recaídas".

O público presente marcou o ritmo da noite, ainda antes de qualquer acorde já se ouvia o entoar do "parabéns a você..." mas o desenrolar deste "75 no Maria Matos" fez perceber que Sérgio Godinho & Assessores prepararam bem mais do que um alinhamento de ocasião - se a estreia ao vivo do mais recente inédito "O Novo Normal" era obrigatória, a selecção de temas para este novo ciclo proporcionou a recuperação de algumas canções que andavam há algum tempo afastadas de palco: desde logo a visita ao repertório de "Ligação Directa", com releituras de "A Deusa do Amor", "O Velho Samurai" ou "Às Vezes o Amor", justificou a escolha daquela sala lisboeta para o regresso aos palcos, num quase throwback a "9 1/2 no Maria Matos", o álbum ao vivo ali gravado em 2007;

ainda, os temas que se destacaram em "Nação Valente", o último álbum de originais de 2018 e que trouxe à obra de Sérgio Godinho mais alguma imortalidade com temas como "Grão da Mesma Mó", "Noite e Dia" ou "Mariana Pais, 21 Anos"; os "óbvios" "Liberdade", "Dancemos no Mundo" ou "O Primeiro Dia", entre outros; e, uma das boas surpresas da noite, a interpretação de "Tudo no Amor", uma parceria autoral de Sérgio Godinho com Hélder Gonçalves revelada há poucos meses no álbum do grupo Clã.

Mas a noite de ontem teve um dos seus pontos altos em algo que de artístico terá muito pouco - sem que Sérgio Godinho soubesse, alguns dos músicos que o acompanharam ao longo do últimos anos, irromperam pelo palco numa evocação à velha tradição do "cavalinho" português para interpretação inusitada do clássico "Parabéns a você". Emoções ao alto.

Para além das apresentações este mês a 1, 15 e 21 no Teatro Maria Matos, em Lisboa, Sérgio Godinho apresentar-se-á ainda a 3 em Faro, no âmbito das "Noites do F"; e em Grândola, no dia 18, no "Encontro da Canção de Protesto".

O Sérgio Godinho fez 75 anos. Longa vida ao Sérgio!

AGENDA:

01 SET TEATRO MARIA MATOS, LISBOA

03 SET NOITES DO F, FARO

15 SET TEATRO MARIA MATOS, LISBOA

18 SET PARQUE DE FEIRAS E EXPOSIÇÕES, GRÂNDOLA

21 SET TEATRO MARIA MATOS, LISBOA

Fotos: Rita Carmo

universal music

Publicidade