Projeto artístico leva atores anónimos ao palco do Teatro Ibérico

A Companhia João Garcia Miguel abre as portas do Teatro Ibérico a todos os amantes e simpatizantes de teatro e artes performativas que queiram participar no "Silent City", um espetáculo que reúne criações e performances de diversos artistas no Teatro Ibérico, para abordar o silêncio e a sua relação com a cidade. Já estão abertas as candidaturas para participar no projeto, que é dinamizado em parceria com as companhias alemães Prinze Regent Theatre e Artscenico.

"Silent City" é um projeto de artes performativas que permite a todos os artistas, independentemente da sua experiência e reconhecimento, exporem a sua arte e criação. O primeiro momento da iniciativa acontece entre os dias 19 e 22 de novembro, altura em que decorrerá um workshop onde todos poderão participar, mediante inscrição prévia. As performances resultantes desse workshop serão, depois, parte integrante do evento final, a decorrer de 27 a 30 de novembro, nos diversos espaços do Teatro Ibérico.

O espetáculo chega a Lisboa depois de ter passado pelas cidades alemães de Bochum e Dortmund, com o intuito de quebrar a barreira entre o amador e o profissional e desafiando os artistas a pensarem na relação entre o silêncio e a cidade.

"'Silent City' é uma poesia performativa coletiva em que cada atuação se desenvolve num espaço especifico, mas em ligação com as demais, com foco no silêncio, no quão raro é nos dias de hoje, mas também no quão necessário é para a contemplação da arte. Como podem expressar o silêncio e ainda assim cativar a atenção do público? Esse é o desafio que lançamos aos artistas, que têm aqui uma oportunidade única de atuarem num espaço histórico como é o Teatro Ibérico", explica João Garcia Miguel, encenador e diretor artístico da companhia portuguesa. 

A participação no workshop tem um custo de 30 euros, sendo de apenas 15 euros para sócios da Gestão dos Direitos dos Artistas (GDA). 

Foto:D.R.

Publicidade