NEEV - Novo single ''Calling Out'' disponível em todas as plataformas digitais

Enquanto alguns beneficiariam de um sucesso mundial para solidificar a sua fórmula vencedora, Neev, apesar de ter conquistado mais de 115 milhões de streams no Spotify com o seu single "Breathe" (em colaboração com o trio eletrónico norueguês Seeb), regressa com um single forte e inesperado. "Calling Out" é inspirado num registo completamente novo: o da música folk. Talvez isto não seja surpreendente vindo de um artista que gosta de agitar as águas e que, a todo custo, evita ser confinado nas suas ambições, como a sua carreira exemplifica.

Embora seja a essência do artista cosmopolita, Neev recupera as suas raízes portuguesas, tendo crescido na vila encantadora e tranquila de Cascais, com Lisboa por perto. A herança lusitana é parte integrante da sua personalidade. Foi aqui que ele forjou a sua paixão pela natureza e o seu gosto pelo real. Colorindo tanto a sua música como o seu universo, o seu País formou toda a sua identidade musical marcadamente única.

No entanto, rapidamente se tornou claro que Neev é um artista que não se permite restringir às fronteiras de um só género musical ou ao estilo musical de uma certa geografia. Um talentoso autodidata, o próprio Neev afirmou que "a música é aprendida, não ensinada", diz enquanto salta sem esforço entre a guitarra e o piano. O seu processo de aprendizagem foi baseado num slogan: "Sai constantemente da tua zona de conforto". Uma profissão de fé por direito próprio, Neev optou por deixar o seu local de nascimento em Portugal para se fazer conhecido em Londres, a cidade que está no centro da inovação musical. Inspirado pela atmosfera britânica, que espoletou a sua criatividade, durante um período de tempo fez de Londres a sua casa, cidade que o inspirou a escrever (Neev escreveu e compôs a maioria das suas canções) e onde fez contactos importantes. Foi também aqui que cunhou o seu nome artístico, uma versão internacionalizada e fonética do seu sobrenome em português.

Se existe uma característica que une todos os estilos que Neev explora, é o da autenticidade. Uma autenticidade que podemos detetar desde tenra idade em Jeff Buckley, Eddie Vedder, Ray Lamontagne ou mesmo Nick Drake, com uma enorme sensibilidade e cuja voz febril torna-se familiar à sua pele. Vamos explorar a ideia da voz. A voz de Neev é orgânica e pulsante. O seu segredo? "Não tem nada que ver com oitavas", diz o artista, "é sobre convicção. É preciso acreditar no que se canta, isso é tudo... e isso já é uma tarefa difícil."

Clique na imagem para ver o vídeo de  Calling Out (For Petra)

Em "Calling Out", a sua voz carrega tudo isto, planando no ar, inspirada. Quase mística. O timbre e força vocal de Neev dão poder às suas canções com graça e espiritualidade, enquanto as suas melodias e orquestrações inscrevem-se na intemporalidade electro-folk, tal como artistas como o islandês Ásgeiror ou os norte-americanos Bon Iver e Sufjan Stevens.

O lendário Larry Klein avaliou o primeiro trabalho de Neev para elevar este projeto a novos patamares, adicionando cores poéticas e atmosféricas. O antigo baixista de Bob Dylan e Peter Gabriel já nos surpreendeu com inúmeros clássicos pop, rock e jazz, para Joni Mitchell, Traci Chapman ou Madeleine Peyroux. A sua assinatura traz consigo, entre outras coisas, uma dimensão lírica e majestosa às composições de Neev. Neev descreve o seu mentor: "É difícil encontrar alguém que seja tão experiente e tenha uma visão tão nova e fresca da música". Uma colaboração surpreendente para, uma vez mais, quebrar barreiras musicais, sejam elas criadas entre géneros ou pessoas.

Como vimos, é impossível tirar a Neev a sua sede de liberdade e de fuga. O próprio diz: "o que é maravilhoso com a música é que ela leva-te sempre até lugares que achavas que nunca irias". Isso não poderia ser mais claro.

"Calling Out" pode ser ouvido aqui. O seu 1.º EP está previsto ser editado ainda este ano.

Universal Music Portugal

Publicidade