Miguel Araújo e Os Quatro e Meia esgotam Hipódromo de Cascais

03-07-2024

Miguel Araújo e Os Quatro e Meia foram no sábado, dia 22 de junho, protagonistas de um concerto inédito e de um feito único, até à data, no Hipódromo Manuel Possolo, em Cascais, totalmente esgotado. O cantor e compositor portuense, acompanhado pela sua banda, e o sexteto de Coimbra, foram os primeiro artistas a atuarem neste mesmo recinto, com lotação em pé, para cerca de 17 mil pessoas.

O que para muitos era apenas um sonho, tornou-se realidade. Os fãs de Miguel Araújo e d'Os Quatro e Meia foram finalmente testemunhas do grande encontro em palco de dois dos maiores nomes da música portuguesa. Ao longo de duas horas, perto de 17 mil pessoas cantaram em plena sintonia as letras de 22 temas do repertório de ambos, entre canções com novos arranjos e medleys inesperados.

Miguel Araújo juntou-se aos seis membros d'Os Quatro e Meia (Tiago Nogueira, Ricardo Liz Almeida, Pedro Figueiredo, João Cristovão, Rui Marques e Mário Ferreira), acompanhado pela sua banda. Na direção musical e no saxofone esteve João Martins, Bruno Ribeiro no vibrafone, Luís Megra Beça na percussão, Rui Pedro Silva no trompete, Rui Reis no saxofone barítono, Alexandre Petisco no trombone, Mário Costa na bateria, Joana Almeirante na guitarra e voz, Pedro Santos no baixo, Pedro Romualdo na guitarra, e Diogo Santos nos teclados, acordeão e voz.

A noite começou da melhor forma com o espetáculo "Dois Pares de Botas", o primeiro dos vários concertos que juntam Nena e Joana Almeirante em digressão, onde a voz e as guitarras das duas cantoras e compositoras viajam por um repertório de música Country, entre temas de Shania Twain, Taylor Swift, a clássicos como Dolly Parton, The Chicks ou Johnny Cash e, claro, alguns dos maiores sucessos de ambas. A adesão do público foi arrepiante e a mais nova digressão das jovens artistas promete conquistar os portugueses, estando a próxima data agendada para 23 de novembro, no Casino da Figueira da Foz.

Pelas 20h15, ainda antes do grande concerto da noite, outra dupla partilhou palco. Buba Espinho e Luís Trigacheiro aceitaram o desafio de garantir uma plateia carregada de energia para receberem os anfitriões do dia. Os artistas de Beja mantiveram o nível já estabelecido pela dupla feminina e comprovaram ter muitos fãs em comum com Miguel Araújo e Os Quatro e Meia.

Por volta das 22h15 o palco recebeu os aguardados cabeças de cartaz e o Hipódromo de Cascais tremeu. O ambiente foi contagiante e pode-se dizer que o objetivo foi mais do que cumprido. O desafio feito por Miguel Araújo aos Quatro e Meia ficará marcado na história, não só pelo concerto memorável que foi, como por ter sido a primeira vez que o Hipódromo de Cascais recebeu tamanha enchente.

Créditos: Paulo Bico


Jimin, membro dos BTS, ícones pop do século XXI, acaba de lançar o seu segundo álbum a solo, "MUSE", já disponível nas lojas e plataformas digitais. O álbum chega um ano depois do lançamento do seu primeiro álbum a solo, "FACE".