Jorge Drexler anuncia data extra em Lisboa a 28 de Novembro

Com o primeiro espectáculo em Lisboa prestes a esgotar, Jorge Drexler anuncia noite extra a 28 de Novembro, no Teatro Municipal São Luiz. Os bilhetes para os três concertos, dois em Lisboa e um no Porto, a 1 de Dezembro, na Casa da Música, encontram-se disponíveis nos locais habituais. 

Jorge Drexler, o genial e várias vezes galardoado cantor e compositor uruguaio, está de regresso a Portugal para apresentar o seu novo espectáculo - "SILENTE", estreado no início deste ano em Barcelona, com duas noites esgotadas, no Palau de la Música Catalana, seguindo depois para Madrid, onde durante quatro noites actuou para plateias esgotadas, no Teatro Calderón. A digressão tem ainda esgotado concertos por vários países da América do Sul: no Chile passou por quatro cidades, onde esgotou oito espectáculos; no Brasil passou por cinco cidades onde esgotou seis espectáculos; e no Uruguai esgotou duas noites em Montevideo. Ainda neste mês de Setembro estão agendados quatro concertos em Buenos Aires, no Teatro Gran Rex, na Argentina.

Drexler percorre o seu repertório, neste espectáculo, num dos seus formatos mais celebrados: guitarra e voz, acrescentando-lhe as ferramentas contemporâneas que o ajudam a criar paisagens sonoras e visuais. Sempre com o silêncio como ponto de partida. 

Em Novembro do ano passado o uruguaio foi nomeado para um Grammy Award, na categoria de Melhor Álbum Rock, Urbano e Alternativo Latino, e ganhou 3 Grammy Latinos: Gravação e Canção do Ano para o tema "Telefonía" e Melhor Álbum na categoria de Cantautor para "Salvavidas de Hielo". Já em 2014 tinha sido agraciado com 2 Grammy Latinos, para Melhor Album Cantautor, com "Bailar em la Cueva", e para melhor gravação, com "Universos Paralelos".

No seu vasto percurso ligado à música e às artes que conta com 13 discos de originais editados, o cantor e compositor Jorge Drexler ganhou definitivamente popularidade mundial em 2005, enquanto autor da primeira canção escrita em espanhol a ganhar um Óscar - "Al Otro Lado del Rio" do filme "Diarios de Motocicleta" (Walter Salles, 2004). 

Jorge Drexler é ainda o autor do último single editado por António Zambujo, uma interpretação do seu original "Madera de Deriva", e a quem Zambujo empresta os maiores elogios: "É um dos músicos que mais gosto, um dos melhores músicos e compositores que conheço."

LIVECOM

Publicidade