Frankie Chavez na estrada com ''I Don't Belong Tour''

Frankie Chavez voltar ao palco, de novo sem o amparo de uma banda, de novo disposto a olhar o público nos olhos, sem segredos e sem truques, sem distanciamentos e sem barreiras.

Frankie Chavez "I Don't Belong Tour"

09 março | TAVIRA - Casa do Povo :: Evento: Acordes na Aldeia
16 março | LOURINHÃ - Auditório da AMAL :: Evento: Sons na Vila
04 abril | LEIRIA - Teatro Miguel Franco
18 Abril |PORTO - Museu do FCP :: Evento: Dar Letra à Música 

"Eu comecei a tocar sozinho, apenas voz e guitarra, sem rede. Depois com um baterista, depois em trio e agora, para este último disco, Double or Nothing, tenho tocado em quarteto. Tem sido uma boa viagem partilhar o palco com mais músicos. No entanto senti necessidade de estar mais próximo das pessoas. Por vezes tocar com banda faz com que nos distanciemos um pouco do público", conta-nos Frankie. "Quero estar mais próximo das pessoas e focar- me nessa interação que se cria entre quem canta as músicas e quem as escuta", explica o artista.

Frankie Chavez confessa que aprecia a liberdade que a solidão em palco lhe confere, a possibilidade de se sentir solto, de ceder ao impulso do momento em improvisos que transformam cada uma das apresentações em momentos únicos e irrepetíveis.

  "Basicamente", clarifica Frankie, a tour "I Dont Belong" é uma maneira de eu voltar às raízes daquilo que foi o meu começo. Eu e a guitarra, uma loop station e poder tocar os temas como me der na cabeça na altura. Claro que as estruturas das canções estão lá, mas se me apetecer prolongar um solo ou mudar uma introdução quero ter liberdade para o fazer".

Publicidade