Festival MED finalista pela quarta vez nos Iberian Festival Awards

Pelo quarto ano consecutivo, o Festival MED é finalista daqueles que são os galardões que distinguem o que melhor se faz na Península Ibérica ao nível dos festivais de música.

"Melhor Promoção Turística" e "Contributo para a Sustentabilidade" são as duas categorias em que o MED irá disputar a grande final lado a lado de 5 congéneres espanhóis e 4 portugueses nos 4ºs Iberian Music Awards, após uma votação do público.

Os vencedores destes galardões serão anunciados no dia 13 de março, no Teatro Afundación, em Vigo, numa gala composta por 22 categorias e 1 excellence award e que irá reconhecer tanto os eventos como os agentes da indústria dos festivais de música de Portugal e Espanha.

Refira-se que o evento louletano é desde a primeira edição, em 2016, finalista em mais do que uma categoria nestes prémios. Nos anos de 2017 e 2018, recebeu o galardão para Melhor Festival Ibérico de Média Dimensão, enquanto que no ano passado foi considerado o festival ibérico com Melhor Promoção Turística em Portugal. Nas quatro edições, o MED somou 23 nomeações (3 em 2016, 6 em 2017, 7 em 2018 e 7 em 2019).

Finalistas em 2019 para "Melhor Promoção Turística" - AgitÁgueda (PT), Bilbao BBK Live (ES), Bons Sons (PT), Festival MED (PT), FIMM Marvão (PT), FMM Sines (PT), Mallorca Live Festival (ES), Mundaka Festival (ES), Resurrection Fest Estrella Galicia (ES) e Wos Festival (ES)

Finalistas em 2019 para "Contributo para a Sustentabilidade" - DGTL Barcelona (ES), EdpCoolJazz (PT), Festival MED (PT), Festival TRIBU (ES), La Mar de Musicas (ES), Lisb-On #Jardim Sonoro (PT), MUSA Cascais (PT), Noches del Botánico (ES), Rodellus (PT) e Rototom Sunsplash (ES).

Publicidade