Portimão recebe o Festival Afro Nation - De 1 e 4 de agosto de 2019

Entre os dias 1 e 4 de agosto de 2019, Portimão vai receber o festival Afro Nation, o maior festival de música urbana da Europa. Centrado nos artistas africanos mais famosos da atualidade, o festival contará com distintos estilos musicais, tais como o Hip-Hop, o R&B, o Reggae e o Dancehall. A SLE - Sociedade Lusa de Espectáculos, do grupo Braver, junta-se a outros parceiros internacionais na produção do festival, que conta receber 5 mil espectadores, oriundos de várias partes do mundo, numa das praias mais belas da Europa.

Wizkid, Burna Boy e Davido são os primeiros nomes confirmados no festival Afro Nation, que vão atuar num cenário encantador, com as mais deslumbrantes praias portuguesas como pano de fundo.

Na noite de 1 de agosto, Davido trará ao Afro Nation o single FIA, um dos momentos mais esperados de um show que se espera elétrico e poderoso. Nesse dia, o palco será partilhado com Burna Boy.

A estrela nigeriana Wizkid será cabeça de cartaz no dia seguinte, encerrando o festival com seus famosos hits "Soco", "Drake-assisted", "Come Closer" e "Ojuelegba", entre outros. 

Segundo Obi Asika, fundador do festival Afro Nation, "um dos nossos maiores propósitos é criar mais plataformas na Europa para que artistas urbanos, fora da América, tenham a oportunidade de ocupar o palco principal". "Afrobeats, Reggae e Dancehall são feitos de sol. Por isso, o Afro Nation encontrou o seu espaço nas praias de Portugal. Estamos a preparar uma produção de alto nível, com excelentes instalações, serviços e entretenimento para quem visitar o festival", completa o responsável.

Para Marco Azevedo, responsável da SLE - Sociedade Lusa de Espetáculos, "o Afro Nation é muito importante para a economia portuguesa e, em especial, para a economia de Portimão.". Refere ainda que "o impacto económico do festival, na ordem de várias dezenas de milhões de euros, resulta da nossa colaboração com parceiros internacionais de relevo mundial. É com orgulho que nos associamos ao maior festival de música urbana da Europa, contribuindo assim, para o progresso social, cultural e económico do nosso país".

Pub.