RODRIGO AMADO nomeado como um dos melhores saxofonistas tenor de 2014

21-01-2015 11:25

Divulgados os resultados da prestigiada El Intruso International Critics Poll, votação onde participam 46 críticos de todo o mundo, de países tão diversos como Estados Unidos, Canadá, Brasil, Bélgica, França, Inglaterra, Austria, México, Israel, Espanha, Noruega, Italia, Portugal, Sérvia, Chile e Argentina, e de publicações como a Down Beat, Signal to Noise, Village Voice, Jazziz, Jazz Times, All About Jazz, Cadence, New York City Jazz Records, Ottawa Citizen, Folha de São Paulo, Free Jazz Collective, Avant Music News, Les Inrockuptibles ou Point of Departure, entre muitas outras, o saxofonista e fotógrafo português surge em 3º lugar na categoria de saxofone tenor, numa lista de 5 que inclui os consagrados Ken Vandermark, Mark Turner, Jon Irabagon e Ingrid Laubrock.

 

Uma nomeação que surge no final de um ano particularmente intenso para Amado. Os três novos discos que editou ao longo de 2014 - The Freedom Principle (No Business), Live in Lisbon (No Business) e Wire Quartet (Clean Feed) - foram objecto de mais de uma centena de recensões críticas, um pouco por todo o mundo, tendo surgido nas listas de melhores do ano de personalidades como Phil Freeman (Burning Ambulance), John Sharpe (All About Jazz), Stewart Smith (The Quietus), Cisco Bradley (Jazz Right Now), Chris Monsen (Perfect Sounds), Mike Borella (Avant Music News), Guy Peters (Enola Magazine), Tom Hull ou Craig Premo, entre outros.

 

Para este ano, além de novas edições, incluindo a estreia do quarteto formado com Joe McPhee, Kent Kessler e Chris Corsano, intitulado This Is Our Language, a sair em Abril pela editora Polaca Not Two, Amado tem já confirmada para Março uma longa tournée europeia do seu Motion Trio, acompanhado pelo trompetista Peter Evans, com datas confirmadas na Jazz House (Copenhaga), Cafe Oto (Londres), Pardon To Tu (Varsóvia), Vossa Jazz Festival (Bergen) ou State Philharmony Hall (Oradea).

RODRIGO AMADO